terça-feira, 27 de janeiro de 2009

BRINCANDO DE CASINHA


Quando criança, adorava brincar de casinha. Passei da infância e entrei na adolescência brincando de casinha. E meu lugar predileto de brincar de casinha era o quintal da casa dos meus avós. Eles tinham um pomar e, nesse pomar, tinha bananeiras! Bananeiras são o melhor lugar pra se brincar de casinha. Dá pra montar prateleiras, fazer banquinhos e até ter janelas com cortina! Não sei se alguma de vocês já brincou de casinha em bananeira, mas quem sabe o que é isso, há de concordar que é a melhor das brincadeiras!

Quando não tinha bananeira pra brincar, colocava bambus no chão pra delimitar os cômodos da casa imaginária. Normalmente tinha sala, quarto e cozinha e levava cadeiras e colchões para dar vida à fantasia.

Hoje tenho minha tão sonhada casinha e, mesmo adulta, continuo brincando... brinco de colocar minha filha pra dormir, brinco de cozinhar, brinco de dar um beijinho no meu marido quando este chega cansado do trabalho, brinco de aguar minhas plantinhas, brinco de receber os amigos... E essa brincadeira de criança é muito linda! Tem amor e tem carinho desde varrer a casa até passar o linho.

Conta pra mim! Vocês também brincavam de casinha?




Talita Cavalcante

31 comentários:

...Gabi 27 de janeiro de 2009 00:36  
Este comentário foi removido pelo autor.
...Gabi 27 de janeiro de 2009 00:38  

Oi!
Que texto lindo o seu. Gostei muito. Eu adorava brincar de casinha, de comidinha...Eu tb cresci, e gostaria muito de ter uma ajudante, uma baba...hahaha...brincar de casinha cansa..
Quando crianca agente ate podia deixar pra la e correr pros bracos da mae, mas hoje eu sou a mae, e tenho que estar com os bracos abertos pois a qualquer momento tem alguem que cansou de brincar e estara correndo pors meus bracos

Rose 27 de janeiro de 2009 00:43  

Afff...que saudade dessa época. Nas férias eu também brincava de casinha com as minhas primas o dia inteiro. Fazia comidinha...e cortava o cabelo das minhas bonecas achando que ia crescer de novo rsrs...que pena que passou...Também hoje continuo brincando de casinha...tenho meus filhos, marido, cachorra layla (agora com 6 filhotinhos fofos, tartaruga etc...quando fico cansada ou tenho que fazer alguma coisa que não gosto muito digo sempre "não quero mais brincar disso não...cansei"...rsrs
Bjinhus boa semana meninax.

Angel... 27 de janeiro de 2009 01:15  

"Se o seu coração é capaz de sentir os seus sonhos, e se você os deseja realmente, não se desespere por nada; pois quando você olhar para o céu e ver as estrelas brilhando acredite: esse é o momento em que os seus sonhos poderão ser verdadeiros."Beijinhos da angel...

KK Monteiro 27 de janeiro de 2009 07:00  

Aiii, que amor!!! Eu também amava brincar de casinha!!Essas estão muito fofas!Amei lembrar disso... beijinhos!

Pri Morgado 27 de janeiro de 2009 07:25  

Eu adorava BRINCAR de casinha.... A vida real não acho tão legal assim.....
Trabalho, estudo e chego em casa exausta, olho p/ a casa cheia de coisas p/ fazer. Affff....ainda bem que vc gosta.....

vida cotidiana 27 de janeiro de 2009 09:32  

Seu texto ficou tão bonito e me fez refletir que nós meninas, brincamos quando crianças, para aprendermos a brincar quando adultas.
O gosto da brincadeira pode mudar, mas nunca deixa de ser uma brindaceira quando temos amor por aquilo que fazemos, bjs

Brincando 27 de janeiro de 2009 09:49  

Ana,
Brincar de casinha inspirou meu blog. Penso exatamente como você.
Belo post.
Um beijo,
Mari

fátima 27 de janeiro de 2009 10:06  

eu e um tio da mesma idade brincávamos muito - não tive vizinhos nem amigas até os 7 anos - e, como não tinha os acessórios, nossas panelinhas eram latinhas vazias. a comidinha era de barro.como morava na "roça", a gente tinha animais domésticos na casinha, feitos com chuchu e gravetinhos.

fico pensando como a falta de brinquedos fazia a imaginação florescer. hoje em dia a meninada tem um monte de brinquedos de pilhas e baterias, que brinca sozinho, né?

bjs

Amábile - Mãe de dois 27 de janeiro de 2009 10:12  

eu preferia montar a casinha - decorar e depois cansava , pra mim o legal era montar. Depois com a vida - separção dos pais eu tive mesmo é que com 11 anos como muitas meninas do Brasil brincar de casona já que minha mãe teve que ir a luta ganhar o pão nosso e eu cuidar da casa e de 3 irmãs mais novas.
bj

Lúcia 27 de janeiro de 2009 10:20  

Brincava muitooooo!!!
E colocava a primarada toda na roda! Coitado do meu irmão, kkkkkkk.
Bjins

Nana 27 de janeiro de 2009 10:26  

Me fala amiga, qual menina nunca brincou de casinha?!
Adorava juntar várias meninas, pegar os bonecos bebê e sair para fazer compra no supermercado, arrumar a casa, dar banho, lavar as roupinhas e etc.
Eu fazia tudo no quintal mesmo e amava.
Coisa boa lembrar né?!
Agora depois de velha, não tenho esse pique como vc, agora eu brinco de funcionária kkk
bjs

Andy 27 de janeiro de 2009 11:07  

Pois é, carregada mesmo...Poxa adorei poder através do seu texo me remeter aos meus bons tempos de meninice, onde brincar de comidinha´para mim era o point...hsuhsuhs
bjus

Chris 27 de janeiro de 2009 11:24  

Que fofo!! Eu atbm adorava brinca r de casinha, brinquei bastante, brincava tbm de casinha pobre e casinha rica...heheheeh
Juro que gostava dos dois! kkkkkk
bju bju

Ahh.... Ana... posso te pedir uma coisinha??
Vota em quem vc quiser(em mim) =] nesse concurso?

http://produtoscorderosa.blogspot.com/2009/01/candidatas-do-concurso-i-wanna-be-kim-e.html

bju bju, chris

Lenita,  27 de janeiro de 2009 11:54  

Oi, querida, com esse montão de brinquedos eletrônicos fico aqui me perguntando: será que ainda existem, hoje em dia, meninas que brinquem de casinha? Tomara. Bjs

dona perfeitinha 27 de janeiro de 2009 12:56  

Oi meninas!
Que bom que gostaram do 'textinho'. Apesar de algumas terem boas lembranças e outras, lembranças mais duras, a infância tem sempre sua magia. E eu gosto de trazê-la pra vida de adulta... mas, realmente, tem dias que o trabalho de casa acumula e nos deixa loucas... ai, ai... fazer o quê? Agora meu papel de filha foi substituido pelo papel de mãe...
Beijo grande,
Obrigada pelos recadinhos,
Talita,

Janice 27 de janeiro de 2009 14:46  

Eu adorava brincar de casinha e tinha a boneca Susi, com guarda roupa cheio de roupinhas que nós mesmas fazíamos, caminha, etc.
Que tempo bom...que saudade...
Beijo :)

Fernanda 27 de janeiro de 2009 15:45  

E como era bom brincar de casinha ... ai ai que saudade. Mas agora busco a minha casa. A minha brincadeira de gente grande. Beijo.

Gabriela Gonçalves 27 de janeiro de 2009 16:57  

Eu brinco todos os dias, faço supermercado, coloco os bonecos pra dormir, lavo vasilha..rs
E por falar nisso, tenho q comprar fralda.rs
bjus

Saboeria Brasil 27 de janeiro de 2009 19:12  

Oi ,gosto muito de brincar de casinha, amo quando a minha casa está limpinha e em ordem, dá uma sensação boa, quando o ambiente está em ordem dá uma aconchego em mim. O meu maridão não dá muita bola p isso.
bjs e bacana o teu texto!
NicK

Anônimo,  27 de janeiro de 2009 19:14  

Amei o seu texto. Eu também brincava de casinha no quintal dos meus avós, com tijolos, guisado (êta fumaceira), vidros de perfume vazios, era uma festa! Quando vc falou das bananeiras, eu me vi, ali criança, fazendo a mesma coisa.A gente era muito criativa, pois a vida não tinha os "progressos e facilidades" de hoje.

Viviany 27 de janeiro de 2009 19:33  

Sempre amei brincar de casinha ... Arrumar tudinho , dar banho nas bonecas ... Até hoje me lembro do cheiro das bonecas , tinha uma com sabonetinho ... hum ... que cheiro bom esse da Infancia !!!
Adorei o post ,
Bjuss*

Andrea Guim 27 de janeiro de 2009 23:11  

Oi Talita!!!
Seu texto me lembrou muita coisa legal: lá em casa eu e minha irmã tinhamos uma casinha de boneca improvisada debaixo da escada, com porta e tudo. Na minha época a boneca da vez era a Suzie. Minha mãe e minha vó faziam as roupinhas e meu vô fazia os móveis. A gente tinha casa completa!!! Até o dia que o levado do meu cão, o Thuley (um Cocker), conseguiu entrar lá e comeu tudo! Até hoje guardo as Suzies de bracinhos mastigados...
Adorei o post!!!
Beijos!!!

Rita de Cassia 28 de janeiro de 2009 10:29  

Briquei e muito, só deixei aos quatorze quando precisei trabalhar.... mas acredito que brinco até hoje. Ador mudar tudo do lugar e enquanto vou arrumandi vou pensando na vida, no que tenho pra fazer.... isso é brincar de casinha não é?
bj bj

Priscilla 28 de janeiro de 2009 10:55  

Ahh que tempo bom!!
Eu tinha uma casinha bem grandinha até, e tá lá no quintal da minha mãe ainda. Tenho muitas recordações boas. Eu fazia de conta que meu irmão era meu filhinho e eu colocava ele num cesto de vime, dava comidinha e tudo...hahah
Hoje em dia é tudo real só falta o filhinho de verdade.

Ana Medeiros 28 de janeiro de 2009 16:21  

Eu nem preciso dizer nada ne?? A minha descrição-historinha aqui no blog já diz tudo...hahaha


Beijocas

Fabianne 28 de janeiro de 2009 20:12  

Adorei esse texto! Me inspirou a redescobrir esse imenso prazer q eu experimentava na minha casinha de verdade.
Bridada

Deixe seu recadinho sua opinião é importante 31 de março de 2009 00:51  

lindas casinhas eu sonhava em ter uma, mas n dava hj brinco de construir no myminilife kkkkk

konerush 11 de abril de 2011 18:10  

Very intereresting reading. thx

clomid

cewitail 22 de abril de 2011 01:18  

Excellent post I must say.. Simple but yet interesting and engaging.. Keep up the awesome work!

generic paxil

Anônimo,  8 de março de 2013 23:13  

http://www.site.com - [url=http://www.site.com]site[/url] site
site

MySpace Backgrounds

  © Blogger templates The Professional Template by Ourblogtemplates.com 2008

Back to TOP